domingo, 23 de novembro de 2008

PREOCUPAÇÃO E ALERTA!

Caros colegas,

Começam a chegar-nos inúmeras mensagens de preopcupação e alerta relativamente ao que pode estar a "ser cozinhado": um Memorando de Entendimento Versão 2.

Um colega diz-nos: "Por aquilo que conheço do poder, por aquilo que conheço dos sindicatos, por alguns ecos que tenho e pela reflexão que faço, estou convencido de que já se está a cozinhar o memorando de entendimento parte 2".

O objectivo poderá ser "salvar ambas as partes (M.E. e sindicatos) e esvaziar a luta que tendencialmente pode ser mais aguerrida. Se os sindicatos apresentarem uma proposta de avaliação ao M.E. e se ela for aceite (e acabará por ser aceite)", ambas as partes poderão ficar felizes "porque o modelo de avaliação do M.E. foi destruído e, por isso, os professores têm um grande motivo para estar contentes. Para além disso, podem também cantar vitória para a opinião pública porque são responsáveis - os professores vão ser avaliados."

Se o que está na forja são mais uns retoques ao retoque-manta-de-retalho feita pela Sr. Ministra, os professores têm de dizer, de já, NÃO A ESTE MODELO DE AVALIAÇÃO, independentemente do número de remendos!

A ser assim, o ECD pode ser atirado "para as calendas gregas, porque a grande maioria dos professores que não têm grande capacidade de luta verão esta possibilidade simplificada de avaliação, proposta pelos sindicatos e aceite pelo M.E, como bóia de salvação e vão agarrá-la com unhas e dentes. O ECD ficará esquecido ou atirado para o próximo ano lectivo o que, na prática, será o mesmo. Com a desmobilização, o ciclo de mudança ficará concluído com todos os intervenientes a poder cantar vitória, à excepção dos professores que, mais uma vez, ficarão a perder por terem sido ingénuos (?)"

Muitos colegas referem que "é isto que vai acontecer, é isto que já está acontecer."

A nossa mensagem aos professores tem de ser muito clara:
é preciso não desmobilizar da luta pelo essencial da questão: o Estatuto da Carreira Docente. Enquanto não for esse o centro das negociações, não abrandaremos na determinação da nossa luta.
No dia 6 de Dezembro, em Leiria, decorrerá um Encontro Nacional de Escolas em Luta.

Torna-se cada vez mais importante a participação do maior número de escolas, através de dois representantes, para que aí possamos analisar a situação e debater o nosso calendário de lutas enquanto o ECD não for revogado.

MOBILIZAR! UNIR! RESISTIR!

9 comentários:

Anónimo disse...

Estou a ouvir o Mário Nogueira na RTPn.
O que estou a ouvir é que esta proposta para "salvar o ano lectivo" só será entregue se houver aceitação, por parte do ME, no sentido de suspender o actual modelo.
Portanto, antes de começarmos a gritar e fazer "ruído" convém ouvir.
Qual a proposta do MUP para este ano lectivo avaliar os colegas que precisam, mesmo que o ME suspenda?
Têm de se apresentar propostas para não dizerem que não queremos avaliação nenhuma. Não esqueçam que há colegas que exigem ser avaliados este ano. É preciso apresentar alternativas. Não será?

Anónimo disse...

COLEGA DAS 15:28, NÓS PROFESSORES SEMPRE TIVEMOS AVALIAÇÃO (EM CASA TENHO UMA MONTANHA DE CÓPIAS DE RELATÓRIOS VOLUMOSOS QUE ENTREGAVA DE 3 EM 3 ANOS OU PERTO DISSO, COM TODO O TRABALHO DESENVOLVIDO SÓ PARA ME DAREM O SATISFAZ. ISTO SEM FALAR NOS CERTIFICADOS DAS ACÇÕES DE FORMAÇÃO, NOS RELATÓRIOS DE CARGOS PARA QUE FUI ELEITO PELOS COLEGAS, ETC)
É bom não esquecermos isso. Por outro lado, não sei bem quem são os colegas exigem ser avaliados (diga-se avaliados de modo diferente do anterior) este ano. Se mais um ano a marcar passo na subida de escalão (até já nos habituamos) for o preço a pagar pelo fim do ESTATUTO VERGONHOSO, não será um preço pequeno?

Laurentina disse...

Mas que mania tem esta gente e agora alguns colegas de afirmar que nunca houve avaliação...
Estou no 10º escalão e SEMPRE FUI AVALIADA!!!
NA PASSAGEM DO 9º PARA O 10º NO FINAL DO ANO LECTIVO JÁ TINHA A MINHA AVALIAÇÃO FEITA E PRONTA PARA SER ENTREGUE NA EMBAIXADA EM MADRID PORQUE ESTAVA EM ESPANHA A DAR AULAS, FUI DE FERIAS E NO COMEÇO DO ANO LECTIVO LOGO AO FINAL DA SEGUNDA SEMANA DE AULAS TIVE UM ACIDENTE GRAVE Á PORTA DA ESCOLA, ESTIVE INTERNADA 5 MESES(estou de acidente em serviço até agora, 5 anos nem mais nem menos, sem fim à vista para me reformarem e me darem a indemnização a que tenho direito) E RECEBI NO HOSPITAL ESPANHOL UM OFICIO PARA ENTREGAR A MINHA AVALIAÇÃO, TIVE QUE PEDIR AS MINHAS COLEGAS QUE ENVIASSEM PARA A EMBAIXADA O CALHAMAÇO DO RELATÓRIO QUE TINHA FICADO ARQUIVADO NA ESCOLA GAITA!!!
NÃO ME INTERESSA SE ERA BOM OU MAU O TIPO DE AVALIAÇÃO, ERA O QUE ESTAVA LEGISLADO E TINHA QUE O CUMPRIR SE NÃO NÃO PROGREDIA, TINHA DE TUDO PROGRAMAÇÕES, DIÁRIAS, SEMANAIS, MENSAIS, AVALIAÇÕES MENSAIS E ANUAL DOS ALUNOS, RELATÓRIOS DAS REUNIÕES SEMANAIS COM OS ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO ASSINADOS PELOS PRÓPRIOS DEPOIS DE APROVADOS,RESUMOS DE FALTAS DOS ALUNOS E MINHAS, E NO FINAL UM RELATÓRIO CIRCUNSTANCIADO DA DIRECTORA SOBRE A MINHA PRESTAÇÃO.
EM CONTRAPARTIDA AS MINHAS COLEGAS ESPANHOLAS NÃO TINHAM QUE APRESENTAR NADA DE NADA PARA PROGREDIR NA CARREIRA.
IRRA QUE JÁ ESTOU FARTA DE VER GENTE COM MEDO E FALTA DE CORAGEM PARA ENFRENTAR A INTELEJUMENCIA DA MINISTRA.
É PARA SUSPENDER E POUCA CONVERSA...MAIS NADA!!!

Anónimo disse...

Creio que é mais útil mandar mensagens para o sprc e para a fenprof e outros, lembrando-os que o estatuto tem que ser alterado e não só a avaliação. É importante que os sindicatos sintam a vontade dos professores, para não caírem em tentação.Espero que os representantes dos movimentos dialoguem com os sindicatos nesse sentido. A luta é comum!

ana lima disse...

OS SINDICATOS QUE NÃO PENSEM, SEQUER, NUM 2.º MEMORANDO DE ENTENDIMENTO !! Já vimos o belo resultado que deu o 1º ! E estamos fartos, muito fartos, de, ano após ano, recomeçarmos com as fantochadas destas experimentações!

Além disso, já não escapa a ninguém que os problemas que agora se sentem nas escolas advêm todos, invariavelmente, do novo ECD. A sua revogação imediata é que é a prioridade.


Quanto à avaliação, por agora, congele-se! Não é o que este ME fez às carreiras dos professores? Então? Qual é o problema?

A Avaliação é um assunto muito sério, já causou demasiados danos, não vai lá com remendos, nem com soluções de compromisso feitas à pressa. Requer um estudo sério, levado a cabo por gente séria. E, igualmente importante, informada e competente.

O absurdo modelo chileno levou 2 anos a 'copiar'.. Talvez seja mais rápido, e mais sensato, parar, pegar nalguns modelos de avaliação aqui da Europa, compará-los, e aferir da sua adequação: analisando, por exemplo, os resultados dos alunos desses países no PISA.

O ME terá de discutir qualquer novo modelo de avaliação, negociá-lo com os seus interlocutores, e depois, experimentar a sua exequibilidade num reduzido número de escolas-piloto. No fim, fazer a avaliação do modelo, com base no testemunho dos professores a ele submetidos (voluntariamente, e a nível experimental!).

Os sindicatos, se propuseram um modelo de avaliação alternativo, não o submeteram ao sufrágio dos professores. Ninguém os mandatou para o porem, agora ou em qualquer outro momento, na mesa de negociações com o ME!


OS SINDICATOS QUE NEM PENSEM!! - NUM 2.º MEMORANDO DE ENTENDIMENTO

Ana Lima, sócia do SPGL - até ver

aldina disse...

É evidente que os sindicatos querem salvar a cara ... não querem parecer que afinal a Ministra cedeu em algumas coisas e eles (os sindicatos) em nada, fica mal na opinião publica. Eu estou-me nas tintas para a opinião publica ... de pais que reclamam, mas depois não aparecem nas escolas. E afinal já estou congelada há tanto tempo ... que já nem sinto a diferença.
E como disse aqui já um colega - avaliação sempre existiu - que o ME não tenha lido os nosso relatórios, analisado as acções que frequentava, isso já não é problema meu! Eu sempre fui avaliada, fui informada do meu satisfaz e assinei o respectivo documento quando fui informada pelo CE. Agora o que eu não aceito é a forma como uns foram "escolhidos" para professores titulares e outros ficaram simplesmente professores. ISSO NÂO!!

Elisabete disse...

Sim. Acho que é preciso fazer chegar aos Sindicatos, o mais rápido possível, a recusa dos Professores "às meias medidas". Eles apenas devem reflectir a vontade da maioria dos Professores e não a das suas direcções.
Desistir agora?... Nem pensar!!!!!!

ana lima disse...

O grande, verdadeiramente sério problema, entre os professores (os portugueses..), é que andamos sempre à espera de um d.sebastião, de alguém que se mexa por nós, que tome a iniciativa, que ponha o pescoço no cepo - ou não?
Quantos professores fizeram a(s) greve(s) decretada(s) pela fenprof, aquando da negociação do ECD? Poucos, muitíssimo poucos. Eu creio ter descontado 3 dias no ordenado, por isso terão sido 3, pelo menos, as oportunidades que tivémos, na altura certa, de mostrar o nosso desacordo. De termos, talvez, impedido que este ECD nos fosse tão paulatinamente imposto.

A questão, agora, é exactamente a mesma: não são os movimentos que têm de dialogar com / fazer chegar propostas de ..! Não, somos TODOS e CADA UM DE NÓS que tem de tomar essa e outras iniciativas!

E preparem-se, nota-se pela quantidade/teor de mails q agora nos chegam que as pessoas estão a entrar, novamente, na fase da letargia. A ME simplifica e o pessoal facilita ...

Uma sugestão, a quem a queira aceitar: tudo o q seja expressão da vossa insatisfação, tudo o que escreverem sb isso aos vossos amigos, enviem tb para os sindicatos.
Eu, é o que faço.

ana lima

ana lima disse...

Aqui vai mais uma proposta (uma espécie de manifesto)a enviar aos sindicatos, a quem acharem .. para a fenprof e spgl já seguiu..

-----------
Contra a demagogia e os joguinhos sujos deste ME/governo (que não há-de mudar nunca de políticas..) seria bom que clarificássemos as nossas aspirações/ exigências / insatisfações, que:
- por um lado, não se limitam, nem de longe nem de perto, ao ainda vigente modelo de avaliação dos professores
- que são, ao mesmo tempo, sugestões para a melhoria do sistema educativo em Portugal; ao fim e ao cabo, a contribuição dos que verdadeiramente estão 'por dentro' dos assuntos da Educação - agentes no terreno, que sabem identificar necessidades e erros, partindo, é óbvio, de princípios em tudo contrários ao economicista. Se se podem dar 'esmolas' de milhões a bancos infractores, se continuam a atribuir-se reformas milionárias (em duplicado, triplicado,.. a políticos e gestores), se.. etc, etc, etc, ... com muito maior razão se deverá investir na educação, que, queiram eles ou não, representa o futuro: da democracia, e do país.

Nós, professores portugueses,

Exigimos:

SUSPENSÃO IMEDIATA DESTE MODELO DE AVALIAÇÃO: TOTAL E DEFINITIVAMENTE

REVOGAÇÃO IMEDIATA DO ECD IMPOSTO POR ESTE ME/GOVERNO PS

REVOGAÇÃO DO MODELO AUTOCRÁTICO DE GESTÃO


Dizemos:

NÃO À DIVISÃO DA CARREIRA EM PROFESSORES E TITULARES

NÃO AOS HORÁRIOS SOBRECARREGADOS E ESBURACADOS

NÃO À BUROCRATIZAÇÃO DO ENSINO

-----

PELO RESPEITO À DIGNIDADE DOS PROFESSORES

POR CRITÉRIOS DE EXIGÊNCIA E QUALIDADE

POR TURMAS MAIS PEQUENAS (não mais de 20 alunos)

POR CURRÍCULOS REDUZIDOS DOS ALUNOS (não mais de 10 disciplinas)

PELA EXTINÇÃO DAS NACs (áreas curriculares não disciplinares)

POR UM MAIOR SUPLEMENTO DE HORAS PARA OS DIRECTORES DE TURMA (equiparado a serviço lectivo)

POR UMA BOLSA DE PROFESSORES SUBSTITUTOS que acabe com a actual farsa das aulas de substituição

POR UMA BOLSA DE ANIMADORES SOCIO-CULTURAIS para ocupação de tempos livres para além do horário escolar e/ ou nas férias

POR CRITÉRIOS DE EXIGÊNCIA NOS CEFS E CURSOS PROFISSIONAIS

PELO RECONHECIMENTO DO DESGASTE INERENTE À PROFISSÃO

PELO DIREITO A PAUSAS (reais, para professores e alunos) AO LONGO DO ANO, à semelhança do que acontece na UE (onde, como nós, têm também 1 mês de férias no verão): 1 semana em Novembro, 2 no Natal, 1 no Carnaval, 2 na Páscoa e 1 no Pentecostes - Maio)

PELA REDUÇÃO DA IDADE DA REFORMA

PELO AUMENTO DAS HORAS DE TRABALHO INDIVIDUAL, A REALIZAR EM CASA e considerando tipo de disciplina, n.º de alunos e de níveis de leccionação, e idade!)

Desde 01-01-2009


Este blog vale $140.000.00
Quanto vale o seu blog?

eXTReMe Tracker

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Twingly BlogRank
PageRank
Directory of Education Blogs

RSSMicro FeedRank Results
Add to Technorati Favorites
Locations of visitors to this page