quarta-feira, 15 de julho de 2009

A DANÇA DOS NÚMEROS DOS CONTRATADOS NO CONCURSO

Vejam a vergonha que se segue: 30.000 colocados... Sim, QE e QZP, os contratados? Uma miséria...

Pódio dos Contratados:

1 - Espanhol; 2 - Informática; 3 - Educação Moral e Religiosa Católica.

Contratados colocados

100 - Educação Pré-Escolar ------------------------ 0

1º CICLO DO ENSINO BÁSICO
110 - 1º Ciclo do Ensino Básico -------------------- 0

2º CICLO DO ENSINO BÁSICO
200 - Português e Estudos Sociais-História ------- 0
210 - Português e Francês -------------------------- 0
220 - Português e Inglês ----------------------------- 0
230 - Matemática e Ciências da Natureza --------- 0
240 - Educação Visual Tecnológica ----------------- 0
250 - Educação Musical ------------------------------ 0
260 - Educação Física -------------------------------- 0
290 - Educação Moral e Religiosa Católica -------- 39

3º CICLO DO ENSINO BÁSICO
300 - Português ------------------------------------- 0
310 - Latim e Grego -------------------------------- 0
320 - Francês ---------------------------------------- 0
330 - Inglês ------------------------------------------ 0
340 - Alemão ----------------------------------------- 0
350 - Espanhol - -------------------------------------197
400 - História ---------------------------------------- 0
410 - Filosofia --------------------------------------- 0
420 - Geografia -------------------------------------- 0
430 - Economia e Contabilidade ------------------- 0
500 - Matemática ----------------------------------- 17
510 - Física e Química ------------------------------ 26
520 - Biologia e Geologia ---------------------------- 0
530 - Educação Tecnológica ------------------------- 0
540 - Electrotecnia ---------------------------------- 27
550 - Informática ------------------------------------ 85
560 - Ciências Agro-Pecuárias ---------------------- 1
600 - Artes Visuais ----------------------------------- 4
610 - Música ------------------------------------------ 6
620 - Educação Física -------------------------------- 0

EDUCAÇÃO ESPECIAL
910 - Educação Especial 1 --------------------------- 0
920 - Educação Especial 2 --------------------------- 19
930 - Educação Especial 3 --------------------------- 10

1 comentário:

Laura Gonçalves disse...

Tenho conhecimento de várias colegas especializadas que estão na situação de não poderem concorrer para a educação especial e com muitos anos de serviço nesta área, não podendo concorrer agora para as próximas vagas de educação especial. Quem pode concorrer? qualquer pessoa mesmo não tendo especialização? É uma profunda injustiça! Será que podem divulgar a carta?

Ex. Sr. Director Regional de Educação
De Lisboa e Vale do Tejo


c/ conhecimento:
. Dra. Paula Monteiro
DRELVT



Assunto: Colocação de docentes de Ensino Especial


Exmo. Senhor
Na qualidade de professora especializada em educação especial – domínio cognitivo e motor – venho expor a situação em que, tal como outros colegas, me encontro face ao concurso para colocação de docentes de ensino especial:

• Sou professora há 11 anos, dois dos quais cumpridos no grupo de Educação Física do 2º ciclo e um no 1º ciclo – grupo 110. Nos últimos oito estive colocada como docente de ensino especial, em regime de destacamento, apoiando directamente crianças e jovens portadores de NEE de carácter permanente, bem como os seus professores e respectivas famílias;
• No ano lectivo 2007/2008 participei na elaboração de um projecto de uma Sala de Ensino Estruturado para o 2º ciclo numa E.B. 2/3, sala essa cujo funcionamento assegurei ao longo do ano 2008/2009.

Na primeira fase do actual concurso de professores concorri para transitar do grupo de recrutamento 110 para o grupo 910 para o qual sou portadora de qualificação profissional. Não tendo ficado colocada obrigo-me a concorrer na 2ª fase (DACL) para o meu grupo de provimento.
Está assim criada uma situação em que:

• Por um lado estou impedida de me candidatar a uma das várias vagas que vão ser postas a concurso na área do ensino especial;
• Por outro lado o lugar que ficou vago na área em que tenho trabalhado (tais como lugares idênticos noutros agrupamentos) poderá vir a ser preenchido por um docente a quem não se exige a necessária prática pedagógica, nem especialização neste domínio tão específico da docência;
• Acresce que toda a formação complementar no âmbito do ensino especial que fui investindo ao longo destes anos (seminários, cursos e acções de formação) acaba por ser desaproveitada com manifesto prejuízo para mim própria e para os alunos a quem a escola serve.

Assim, permitimo-nos chamar a atenção de V. Exa. para a necessidade de assegurar a colocação de docentes especializados, ou pelo menos com experiência nesta área, nomeadamente nas unidades de intervenção especializada em que quer os professores, quer as escola e os próprios pais foram levados a depositar muitas das suas expectativas para um atendimento de qualidade às crianças em causa.

Loures, 15 de Julho de 2009
Eduarda Camacho

Desde 01-01-2009


Este blog vale $140.000.00
Quanto vale o seu blog?

eXTReMe Tracker

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Twingly BlogRank
PageRank
Directory of Education Blogs

RSSMicro FeedRank Results
Add to Technorati Favorites
Locations of visitors to this page