quarta-feira, 1 de julho de 2009

DRELVT SOLICITA...

A DRELVT solicita a todas as escolas sob a sua alçada, por intermédio dos directores de turma, ao abrigo da monitorização do Despacho Normativo n.º 50/2005, de 09 de Novembro os “dados respeitantes a todos os alunos que foram alvo de planos de recuperação, desenvolvimento ou acompanhamento”.
Veja-se só o trabalho burocrático. O que pedem eles?
a) N.º de alunos que no final do 1.º Período obtiveram três ou mais níveis inferiores a 3 ou que não tenham desenvolvido as competências necessárias;
b) N.º de alunos que não foram objecto de Plano de Recuperação e ficaram retidos;
c) Alunos que foram alvo de Planos de Recuperação em 2008/2009;
d) Alunos que foram alvo de Planos de Acompanhamento em 2008/2009;
e) Alunos que foram alvo de Planos de Desenvolvimento em 2008/2009.
Nas alíneas c) e d) pedem…
1. Nome de cada um dos alunos;
2. Sexo;
3. Data de nascimento;
4. Período de implementação dos planos;
5. Modalidades adoptadas:
5.1. PR-1 Pedagogia Diferenciada na Sala de Aula;
5.2. PR-2 Programas de Tutoria para Apoio a Estratégias de Estudo, Orientação e Aconselhamento dos Alunos;
5.3. PR-3 Actividades de Compensação em Qualquer Momento do Ano Lectivo ou no Início de um Novo Ciclo;
5.4. PR-4 Aulas de Recuperação;
5.5. PR-5 Actividades de Ensino Específico da Língua Portuguesa para Alunos Oriundos de Países Estrangeiros;
5.6. PR-6 Utilização Específica da Área de Estudo Acompanhado;
5.7. PR-7 Adaptações Programáticas de Disciplinas.
6. Recursos Físicos:
6.1. Biblioteca/Centro de Recursos;
6.2. Sala de Aula;
6.3. Sala TIC;
6.4. Oficinas/Laboratório;
6.5. Outros.
7. Recursos Humanos:
7.1. Docentes da Turma;
7.2. Outros docentes;
7.3. Aux.A.Educ;
7.4. Enc. Educ.;
7.5. Anim/Mediadores;
7.6. Ed Especial;
7.7. SPO;
7.8. Recursos da Comunidade;
7.9. Outros.
8. Resultados ()
8.1. Transitou?;
8.2. Prossegue Estudos;
8.3. Se Escolheu Outros, especifique.
Na alínea e) pedem todos os dados excepto os referentes ao ponto 8.
Até aqui, nada de especial, a não ser mais uma carga de trabalho burocrático para o fabrico de estatísticas favoráveis aos interesses do ME. Claro que não interessa nada a qualidade das aprendizagens, desde que os números apontem para o sucesso. Muito sucesso. Carradas dele.
O que é caricato é a desconfiança da DRELVT nos professores. Se o que interessa são os números, para as estatísticas “DE SUCESSO”, qual a razão para pedirem a identificação dos alunos? Será que desconfiam dos dados fornecidos pelos directores de turma?

Sem comentários:

Desde 01-01-2009


Este blog vale $140.000.00
Quanto vale o seu blog?

eXTReMe Tracker

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Twingly BlogRank
PageRank
Directory of Education Blogs

RSSMicro FeedRank Results
Add to Technorati Favorites
Locations of visitors to this page