quarta-feira, 22 de julho de 2009

SE FOR RUMOR, SEJA. SE NÃO FOR...

Do relato que seguidamente apresentamos, foram retirados todos os elementos que identificam protagonistas, incluindo a própria escola. Se for rumor, seja. Se não for, pelo menos deixa antever tempos ainda mais difíceis nas nossas tristes escolas e na nossa débil educação.

Tendo em conta alguns relatos que têm vindo a público, parece tornar-se cada vez mais urgente que alguns directores sejam obrigados a realizar um curso forçado (ou a repeti-lo) de Psicologia das Organização e Psicologia do Trabalho, já para não dizer um curso de Moral e Ética.

A prepotência é alimento de pobres e, mais cedou ou mais tarde, há-de ser o veneno do seu próprio detentor!


A situação passa-se na sede de um Agrupamento de Escolas de uma escola dos arredores de Lisboa.

Os professores têm vivido tempos de “terror”, onde TUDO é controlado ao pormenor… As pessoas têm medo de falar, de agir, de serem elas próprias… O/A actual Director/a, anteriormente Presidente do C.E., tem vindo a tomar posições de uma prepotência atroz…

No final de Junho, começou a circular pela escola a informação de que, em Julho, todos os docentes tinham de aí permanecer durante 5 horas por dia. No dia 1 do corrente mês, apareceu no placard da sala dos professores uma folha, devidamente assinada e que ainda lá está, com a indicação de que cada docente deve permanecer na escola no “mínimo” 5 horas diárias. Para que nada escape ao controlo, é assinada uma folha de presenças, que se encontra à entrada do bloco, quando os professores chegam e quando saem.


NOTA:
O relato chegou-nos por e-mail, devidamente identificado e com referência à escola em causa.

3 comentários:

Anónimo disse...

Eu continuo a dizer que chá de marmeleiro é muito bom para os prepotentes. Exprimentem dar-lhe uma boa chazada, em segredo, e verão o milagre!

Anónimo disse...

Eu conheço.

Anónimo disse...

É prepotência, é seguidismo,voluntarismo e ausência de sabedoria.
Nesta escola pelo menos nos últimos vinte anos os professores cumpriram todas as suas tarefas. Nada ficou por fazer. Agora cumprem-nas contrariados, desgastados.
Mas pior que tudo é que o/a dito/a director/a toma as atitudes que toma na plena convicção de estar a fazer o melhor pela, escola, pelo agrupamento, pelo ensino.
A criatividade e a imaginação forão reduzidas a uma cinzenta, cansativa e pesada burocracite.
E tão feliz que eu lá fui!

Desde 01-01-2009


Este blog vale $140.000.00
Quanto vale o seu blog?

eXTReMe Tracker

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Twingly BlogRank
PageRank
Directory of Education Blogs

RSSMicro FeedRank Results
Add to Technorati Favorites
Locations of visitors to this page