segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

O ACORDO OU ANTES O TRATADO DE RENDIÇÃO?

Este texto, recebido por e-mail, manifesta a opinião/reacção de uma professora face ao acordo a que chegaram os principais sindicatos e o Ministério da Educação.

O espectáculo DEPLORÁVEL que os sindicatos, entre eles os maiores - FENPROF, FNE - deram ao país e aos PROFESSORES no dia e madrugada de 5ª feira, dia 7 de Janeiro de 2010, vai ficar para sempre na memória de TODOS OS PROFESSORES, porque FERIU DE MORTE A CONFIANÇA que depositámos naqueles (sindicatos ) que escolhemos para nos representarem junto do Ministério de Educação no que aos nossos direitos profissionais diz respeito.

TODOS NÓS sabemos o que vivemos estes últimos quatro anos e meio na escola. TODOS NÓS sabemos a LUTA que travámos contra o Ministério de Educação e as suas políticas. TODOS NÓS sabemos o quanto fomos enlameados, enxovalhados e vilipendiados pela antiga equipa ministerial perante a sociedade e o país. TODOS NÓS sabemos a intransigência doentia de Maria de Lurdes Rodrigues. TODOS NÓS conhecemos a última « OBRA » de Maria de Lurdes Rodrigues: o Decreto-Lei nº 270/2009 de 30 de Setembro. É a nossa condenação - de milhares de nós Professores - à estagnação em termos de progressão na carreira. Vamos ser reintegrados num escalão inferior ao que tinhamos no passado! LEIAM BEM e INTERPRETEM! É a nossa submissão à burocracia, uma vez que a avaliação tem a duração de dois anos. É a nossa condenação ao esgotamento ( trabalharemos para a nossa avaliação sem limites! Para as aulas com os nossos alunos; para a
nossa formação que é pós laboral, aos sábados e férias! ). É a competição desenfreada pelas melhores notas! É o deixarmos de ter vida própria e privada! Pensem bem nisto!
Tudo por que nós lutámos foi agora, em 14 horas e com a conivência dos sindicatos e os sorrisos delicodoces de Isabel Alçada, deitado fora!

É por isso mesmo que amanhã, entregarei na secretaria da minha escola um documento a comunicar que a partir desse dia cesso o pagamento das quotas ao sindicato que me TRAIU. NÃO LHE DEI A PERMISSÃO PARA ASSINAR MAIS UM ACORDO / ENTENDIMENTO PIOR QUE O FEITO NO PASSADO.

E faço um APELO a que os PROFESSORES - apenas aqueles que são na verdade PROFESSORES - façam o mesmo em DEFESA DA VOSSA DIGNIDADE: ACABEM COM O VÍNCULO AO SINDICATO. Eles assinaram um acordo em que nos retiram dinheiro, logo não podemos pagar quotas aos sindicatos porque o dinheiro já é muito pouco! FORAM ELES QUE ASSINARAM O ACORDO CONTRA NÓS!

A colega que põe a sua DIGNIDADE acima de tudo e de todos os seres TRAIDORES.

1 comentário:

A CHISPA ! disse...

Cara Amiga
As Direcções Sindicais ao assinarem este "acordo" de facto trairam as aspirações de dezenas de milhares de professores,mas confundir isso com uma associação sindical que foi e servem para servir a classe é um erro tremendo.Não,não se deve dissindicalizar e muito menos apelar para que outros o façam,porque isso seria acrescentar ainda mais pontos a vitória que foi concedida ao governo.
O que se deve fazer é DESTITUIR as direcções sindicais traidoras e eleger outra que sirva os interesses da classe,ou não haverá professores capazes de executarem essa importante função em defesa da classe e do próprio sindicato?
Consulte e leia o texto que elaboramos e públicamos, em "achispavermelha.blogspot.com" ou em "classecontraclasse.blogspot.com" onde sugerimos algumas ideias sobre o presente "acordo de principios".
Saudações e reconsidere a sua posição,porque a luta ainda agora começou.
"A CHISPA!"
"CLASSECONTRACLASSE!"
"jotaluz@gmail.com"

Desde 01-01-2009


Este blog vale $140.000.00
Quanto vale o seu blog?

eXTReMe Tracker

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Twingly BlogRank
PageRank
Directory of Education Blogs

RSSMicro FeedRank Results
Add to Technorati Favorites
Locations of visitors to this page