terça-feira, 22 de junho de 2010

ESCÂNDALO

Direcção Regional de Educação do Centro (DREC), nomeia para Chefia do Agrupamento de Escolas Inês de Castro de Coimbra (Comissão Administrativa provisória), uma Directora com a nomeação suspensa por decisão do Tribunal e ainda, como se não bastasse, uma Docente que esteve de Atestado Médico durante quase 3 anos por incapacidade psicológica! retornou numa 6ª feira ao serviço e na 4ª Feira seguinte, dia 16 de Junho, já era vice-presidente do Agrupamento de Escolas Inês de Castro! Fantástico! Como é possível a comunidade educativa deste Agrupamento de Escolas aceitar pacificamente uma situação destas? É vergonhoso!!!!
Conclusão: para se chegar a cargos de chefia, como por exemplo num Agrupamento de Escolas, é fundamental:
- Faltar com regularidade, se possível com atestado por incapacidade psicológica;
- Conhecer as pessoas certas nas instituições certas: DREC, Sindicatos e outros.
- Não cumprir a lei ignorando ordens dos Tribunais!
Devemos ensinar isto aos nossos filhos! Com este governo só assim serão chefes, directores ou ministros!

Isabel Teixeira
Coimbra



ADENDA:

Esclarecimento sobre a autoria e subscritores do texto “Escândalo” /Inês Castro-Coimbra

Eu, Isabel Teixeira, por lapso do blogue (penso), surjo como a autora do texto acima intitulado como “Escândalo”. Não quero usurpar as palavras de outrem, pelo que faço aqui esta ressalva.
Este texto de opinião surgiu como desabafo a quente, traduzindo o estado emocional de revolta no momento em que foi conhecida e imposta a situação de haver uma CAdm Provisória no agrupamento, em pleno percurso de encerramento do ano lectivo e nas circunstância entretanto esclarecidas no “Comunicado à Imprensa”. Muitos colegas docentes se identificaram com ele e eu apenas me dispus, por uma questão de logística, a servir de mero veículo para solicitar a sua divulgação em 2 blogues, aos quais expliquei de antemão esta problemática da autoria, assinaturas e subscritores. Já não é a 1ª vez que dou a cara e assino por baixo no que toca a emitir opinião sobre a situação do meu agrupamento ao longo destes anos. Mas faço questão de dizer: “o seu a seu dono”.

isabel teixeira
coimbra

2 comentários:

Anónimo disse...

A ser verdade é muito grave.

Anónimo disse...

Infelizmente, não é caso único. Conheço uma Directora que, em tempos não muito idos, perdeu um processo em tribunal por fraude na subida de escalão. O ministério homologa os cargos sem se dar ao trabalho de consultar os registos biográficos/criminais.
GRAVE! MUITO GRAVE!

Desde 01-01-2009


Este blog vale $140.000.00
Quanto vale o seu blog?

eXTReMe Tracker

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Twingly BlogRank
PageRank
Directory of Education Blogs

RSSMicro FeedRank Results
Add to Technorati Favorites
Locations of visitors to this page