sexta-feira, 25 de março de 2011

SUSPENSÃO DA AVALIAÇÃO NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

Como foi notícia em praticamente todos os órgãos de comunicação social, os partidos da oposição fizeram aprovar, esta sexta-feira, no Parlamento a suspensão da avaliação dos professores. PSD, CDS-PP, BE, PCP e PEV votaram a favor. Só o PS e o social-democrata Pacheco Pereira votaram contra.

Além de os projectos terem sido votados na generalidade, o PSD e o PCP propuseram um texto de substituição, salvaguardando a possibilidade de a Assembleia da República ser dissolvida e, assim, comprometer a suspensão da avaliação docente.

O documento revoga o actual modelo de avaliação dos professores e propõe que se iniciem negociações para que um novo processo de avaliação docente possa entrar em vigor já no próximo ano lectivo.

A revogação entra em vigor no dia seguinte à publicação do texto em Diário da República.

Esperemos que o Presidente da República não venha a colocar obstáculos a esta medida que teve a aprovação da maioria dos deputados que representam os cidadãos na Assembleia da República.

Por outro lado, não podemos deixar registar o facto de este modelo ter sido objecto de um acordo pela maioria dos sindicatos, em Janeiro de 2010, que, à época, o consideraram um acordo no mínimo razoável, apesar de termos chamado a atenção para o desastre que ele representava, como se pode reler, no comunicado que o MUP, a APEDE e o PROMOVA emitiram logo após a assinatura do acordo ME/Sindicatos.

Assim, consideramos que, no futuro processo de negociação, seja dada voz aos professores e se evitem novas decepções.

5 comentários:

Safira disse...

Pacheco Pereira é uma das ovelhas ranhosas do PSD. Era de esperar!

A Chispa ! disse...

Ranhoso,ou consequente com a sua posição de reaccionário?

Só por interesses estratégicos eleitorais o PSD e CDS agora tomaram esta posição.

O que está em causa não é a "avaliação" mas sim as promoções automáticas e o PSD e CDS sempre estiveram contra estas.

De qualquer maneira a revogação do Decreto favorece a classe docente, mas preparem-se porque o próximo governo, seja PSD sózinho ou alargado aos outros partidos capitalistas PS e CDS, irão de novo atacar, as novas medidas que estão para chegar assim o dão a entender, esperamos que defendam arduamente os vossos direitos e não se deixem cair em novas Traições, como foi o caso do "acordo" verificado em Janeiro de 2010.

Saudações Revolucionárias
A Chispa!

Felicidade disse...

Que bom, Ílidio, de volta!! Sentimos muito a sua falta desde Setembro!Quanto a Pacheco Pereira, muito me surpreende tal atitude, visto ter o mesmo senhor sido dos que mais contestaram a tomada de posição de Aguiar Branco que viabilizou esta ADD quande era chefe da bancada parlamentar do PSD.Estará ressabiado por algum motivo que desconhecemos?

Anónimo disse...

Boa notícia era terem sido os professores a acabar com a coisa.

A Chispa ! disse...

Anónimo das 02:12
Concordamos inteiramente consigo e gostariamos de aprofundar essa sua opinião. Contacte-nos "jotaluz@gmail.com"

Saudações Revolucionárias
A Chispa!

Desde 01-01-2009


Este blog vale $140.000.00
Quanto vale o seu blog?

eXTReMe Tracker

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Twingly BlogRank
PageRank
Directory of Education Blogs

RSSMicro FeedRank Results
Add to Technorati Favorites
Locations of visitors to this page